Troca de poder em Singapura

Amanhã haverá formalmente a troca de poder em Singapura, foram apenas 4 em 65 anos, dando uma média de mais de 16 anos para líder. A cidade-estado é independente de 1965, mas sua primeira eleição geral foi em 1959 sob a constituição que está em vigor e com todos os cargos do legislativo em disputa. Tendo Lee Kuan Yew como vencedor.

O atual primeiro-ministro, Lee Hsien Loong, passará o cargo para seu vice, Lawrence Wong. Wong irá agora liderar o Partido da Acção Popular (PAP) nas próximas eleições gerais, que devem ocorrer até 25 de Novembro. Pela primeira vez na história independente de Singapura, não haverá um Sr. Lee no cargo de primeiro-ministro ou na linha de sucessão como o presumível próximo primeiro-ministro

 

Lee Hsien Loong

Político de Singapura, atual primeiro-ministro e no cargo desde 2004. Ele assumiu a liderança do Partido da Ação Popular quando o ex-primeiro ministro Goh Chok Tong deixou a posição para se tornar o novo ministro sênior. Lee levou seu partido à vitória nas eleições gerais de 2006, 2011 e 2015

Lawrence Wong

Para além dos seus atuais cargos como vice-primeiro-ministro e ministro das finanças, Wong ocupou vários cargos anteriores relacionados com as ligações internacionais de Singapura. Estas incluem pastas ligadas à defesa e à educação, bem como o cargo de executivo-chefe da Autoridade do Mercado de Energia. São 14 anos em altos cargos públicos.

“Continuidade e estabilidade são considerações fundamentais, especialmente quando nos aproximamos do fim deste mandato de governo”, disse Wong numa conferência de imprensa com a presença da mídia local.

Wong afirma que continuará e defenderá o legado dos seus antecessores, prometendo uma combinação de tomadas de decisão assertivas e consensuais. “Ouço atentamente as opiniões de todos”, “Quando vou para uma reunião, não começo a presumir que sei todas as respostas.” Mas quando “a situação se torna difícil”, Wong disse que não teria problemas em tomar “decisões difíceis”

Novo vice-primeiro-ministro

Se o vice vai para o centro do poder, quem vai ser o vice?

O Ministro do Comércio e Indústria, Gan Kim Yong, será promovido a Vice-Primeiro Ministro no governo do Primeiro Ministro designado Lawrence Wong. “Passamos juntos pelo batismo de fogo do COVID e ele foi um pilar de força o tempo todo”, disse Wong.

Num período de crescentes tensões geopolíticas, a experiência de Gan na economia internacional também ajudará Singapura a navegar num ambiente global mais contestado, acrescentou Wong.

Ele continuará como Ministro do Comércio e Indústria, cargo que ocupa desde 2021. Também substituirá o Sr. Wong como Presidente da Autoridade Monetária de Singapura e chefiará o Grupo de Estratégia no Gabinete do Primeiro Ministro.

Gan, 65 anos, disse na segunda-feira que “não era exatamente 4G” , referindo-se à liderança política de quarta geração de Singapura que está assumindo as rédeas do governo. foi presidente do Partido de Ação Popular (PAP), no poder, de 2018 até deixar o cargo em 2022, foi ministro do trabalho e  foi ministro da saúde na pandemia, Atualmente, não faz parte do Comité Executivo Central do partido.

Desafios

Embora o atual primeiro-ministro Lee Hsien Loong tenha confirmado apenas há um mês a transferência de poder para Wong, o atual vice-primeiro-ministro já liderou várias viagens ao exterior, inclusive aos Estados Unidos, China e Europa.

Wong está entre os 15 membros seniores do PAP referidos localmente como líderes 4G, uma quarta geração que foi escolhida a dedo para suceder Lee e o seu gabinete numa transição de poder cuidadosamente calibrada

Singapura evoluiu para um dos principais centros financeiros da Ásia e, portanto, a transição ocorrerá em meio a choques macroeconómicos, como as tensões EUA-China e as guerras na Ucrânia e em Gaza, que causam muitos distúrbios em uma economia altamente conectada com as cadeias globais de valor como a de Singapura. No discurso da posse ele alegou que : “ o mundo ao nosso redor está em fluxo. Durante trinta anos, desde o fim da Guerra Fria, desfrutámos de uma paz e estabilidade sem precedentes na Ásia-Pacífico. Infelizmente, agora enfrentamos um mundo de conflito e rivalidade.”

Wong também enfrentará desafios a nível interno devido ao aumento do custo de vida, especialmente na habitação. Os aluguéis de casas particulares em algumas partes de Cingapura já ultrapassaram os aluguéis de Hong Kong em termos de preço por metro quadrado.

Abertura política também se faz necessária, novas gerações demandando maior participação é uma das maiores preocupações da burocracia estatal, seu partido tem chances, embora remotas, de perder uma eleição pela primeira vez na história da cidade-estado. Para ter uma ideia, em 2020, apesar de ter conquistado 61,24 por cento dos votos, houve um declínio em relação aos resultados de 2015, onde obteve 69,9 por cento dos votos.

Em seu discurso de posse Wong enfatizou:

“Sou o primeiro primeiro-ministro de Singapura a nascer após a independência. Quase todos os meus colegas da equipe 4G também nasceram depois de 1965.

A história da minha geração é a história da Singapura independente. Nossas vidas são testemunho dos valores que moldaram nossa nação: Incorruptibilidade, meritocracia, multirracialismo, justiça e igualdade. Esses princípios estão profundamente enraizados em todos nós.”

Asean

Valorizamos a centralidade da ASEAN e os seus esforços para promover a cooperação e integração regional. Esperamos relações estáveis ​​entre os EUA e a China e continuaremos a envolver ambas as potências, mesmo que surjam inevitavelmente problemas entre elas.

Paralelos com seu vizinho

A razão para o anúncio relativamente repentino da sua demissão por parte de Lee pode ser vista nos escândalos políticos que abalaram recentemente o governo de Singapura e confiança dos cidadãos nos seus líderes. A unidade policial anticorrupção do governo de Singapura prendeu o ministro dos transportes, S Iswaran, sob acusações de corrupção por supostamente receber mais de 380.000 dólares de Cingapura (US$ 283.000) em presentes de um bilionário malaio.

Além disso, a presidente do parlamento, Tan Chuan-Jin, também ex-membro do PAP, e uma legisladora do PAP, foram forçadas a renunciar devido a um caso. Chuan-Jin já havia sido apontado como futuro primeiro-ministro de Cingapura, e o escândalo e o resultante fim abrupto de sua carreira política chocaram muitos cingapurianos.

Estes escândalos podem parecer relativamente leves em comparação com os escândalos nos países ocidentais, mas o PAP há muito que se orgulha de ser “mais branco que os brancos” e de exigir apenas os mais elevados padrões morais dos seus ministros e liderança, simbolizados pelos uniformes brancos do partido.

Até o Straits Times, amplamente considerado um porta-voz pró-governo, publicou um artigo com o título “A marca PAP está em apuros?”. Lee reconheceu que o PAP “foi atingido” aos olhos do público devido aos escândalos. A demissão de Lee e a entrega relativamente rápida das rédeas a Wong são uma tentativa de retomar o controlo da narrativa e consagrar uma nova geração de líderes cingapurianos que podem renovar e renovar o apoio ao PAP e continuar a conduzi-lo a vitórias esmagadoras.

Singapura olha para seu vizinho Malásia e tenta aprender a lição. A Malásia também tinha o mesmo partido no poder desde sua independência, até que diversos escândalos de corrupção levaram à sua derrocada inédita em 2018. A cidade-estado certamente tem colocado esse exemplo em seus cálculos. Em fevereiro Singapura se viu no meio de um escândalo de corrupção.

Referencias

https://www.channelnewsasia.com/singapore/pm-lawrence-wong-first-speech-prime-minister-full-4338286?utm_source=dlvr.it&utm_medium=twitter

https://thediplomat.com/2024/05/end-of-an-era-in-singapore-as-pm-lee-prepares-to-hand-over-power/

https://www.channelnewsasia.com/singapore/gan-kim-yong-deputy-prime-minister-health-trade-industry-cabinet-4g-4331896

https://thediplomat.com/2024/05/end-of-an-era-in-singapore-as-pm-lee-prepares-to-hand-over-power/

https://www.reuters.com/world/asia-pacific/singapores-incoming-pm-wong-appoints-new-deputy-pm-minor-reshuffle-2024-05-13/

https://asiaelects.com/2024/03/25/all-change-in-singapore-in-2024/

 

 

 

Dia a dia muito corrido? Ouça todos esses posts enquanto faz suas tarefas:

Quer ainda mais informação com direito a enquete diária sobre o sudeste asiático? Siga o Insta:

Interesse em conversar sobre Relações Internacionais e política local? Bora twitar: